Arma do cantor Henrique é apreendida em hotel de Americana (SP)



Uma polêmica envolvendo a dupla Henrique e Juliano no último final de semana agitou a internet. Cumprindo sua agenda de shows, que é uma das mais buscadas do país, a dupla sertaneja se apresentou no Rodeio de Americana na sexta-feira (10), mas ao deixarem o hotel que estavam hospedados, Henrique acabou esquecendo uma arma carregada no local.

A pistola foi encontrada na noite de sábado (11) no quarto que o sertanejo ficou hospedado, pelos empregados do hotel. Antes disso, a recepção recebeu uma ligação de um homem se identificando como coronel do estado de Goiás, afirmando que seria segurança de Henrique e Juliano e comunicando sobre o esquecimento da arma no quarto do estabelecimento.

Minutos após essa ligação, os funcionários receberam outra de um homem que dizia ser um capitão da Polícia Militar do Estado da Bahia, mas nenhum dos dois homens que telefonaram ao local comprovaram ser policiais de alguma forma. Com os telefonemas, os funcionários subiram até o quarto e localizaram a arma de fogo.

Em seguida, telefonaram para a polícia que foi até o local e realizou a apreensão da arma. Neste tempo, a equipe de Henrique e Juliano tentou fazer com que um funcionário fosse até o local de avião e resgatasse a arma de fogo do cantor sertanejo, o que foi negado.

Já na Central de Polícia Judiciária, que registrou a ocorrência, foi constatado que a arma está registrada legalmente em posse do cantor Henrique, que possui posse de arma e registro legal. A pistola, o coldre e munições ficaram apreendidos e só serão entregues ao proprietário ou responsável que apresente a documentação necessária.

Ainda não se sabe se o cantor sertanejo irá retornar ao local para retirar a arma. Henrique não comentou sobre o assunto.

Fonte: Movimento Country